NOVA FLORESTA , Idoso que estava desaparecido é localizado agonizando em ribanceira

14:16:00 0 Comentarios

          Seu Antonio Padre de 65 anos estava desaparecido desde a ultima terça-feira (15)
Galvani Silva - Um idoso de 65 anos, identificado como Antônio Padre, morador de Nova Floresta que estava desaparecido desde a noite da última terça-feira, foi localizado no final da manhã desta quinta-feira(17) em uma ribanceira com cerca de três metros de altura entre várias pedras. “Seu Toinho” como popularmente é conhecido, foi localizado por familiares após uma pessoa ter informado que viu a bicicleta da vitima na entrada do matagal próximo o local onde o mesmo foi encontrado.
A vítima estava desidratada e a todo momento durante o resgate pedia água, pedido que não foi atendido por orientação de populares. Unidades do SAMU estiveram no local e as equipes com a ajuda dos policiais militares e de populares imobilizaram a vitima e depois de muito trabalho conseguiram retira-lo da ribanceira de difícil acesso. Mesmo muito debilitada a vitima disse que estava cortando lenha quando caiu na ribanceira e não conseguiu se levantar, passando três dias imobilizado entre as pedras.

O médico do SAMU de Cuité, Dr. Wesley, também estava no local e juntamente com a equipe da USA e da unidade básica prestaram os primeiros socorros e encaminharam o idoso para o hospital de Cuité, onde passaria por exames mais detalhados.


  GERAL
Idoso de Nova Floresta que estava desaparecido desde da última terça é localizado agonizando em ribanceira 
17/09/2015 
GalvaniSilva.com
Um idoso de 65 anos, identificado como Antônio Padre, morador de Nova Floresta que estava desaparecido desde a noite da última terça-feira, foi localizado no final da manhã desta quinta-feira(17) em uma ribanceira com cerca de três metros de altura entre várias pedras. “Seu Toinho” como popularmente é conhecido, foi localizado por familiares após uma pessoa ter informado que viu a bicicleta da vitima na entrada do matagal próximo o local onde o mesmo foi encontrado.


 A vítima estava desidratada e a todo momento durante o resgate pedia água, pedido que não foi atendido por orientação de populares. Unidades do SAMU estiveram no local e as equipes com a ajuda dos policiais militares e de populares imobilizaram a vitima e depois de muito trabalho conseguiram retira-lo da ribanceira de difícil acesso. Mesmo muito debilitada a vitima disse que estava cortando lenha quando caiu na ribanceira e não conseguiu se levantar, passando três dias imobilizado entre as pedras.



 O médico do SAMU de Cuité, Dr. Wesley, também estava no local e juntamente com a equipe da USA e da unidade básica prestaram os primeiros socorros e encaminharam o idoso para o hospital de Cuité, onde passaria por exames mais detalhados.



 


Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga