Servidores impedem entrada de deputados na ALRN e sessão é adiada

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte adiou a sessão ordinária prevista para acontecer as 10h desta terça-feira, 30. A decisão foi tomada devido ao protesto dos servidores públicos em frente ao prédio, os manisfestantes impediram a entrada dos deputados estaduais e dos funcionários no Palácio José Augusto, sede da Assembleia.
Sem poder entrar na ALRN, os funcionários foram dispensados do expediente desta terça-feira. O protesto começou na manhã, os servidores chegaram ao entorno da Assembleia por volta das 5h, e atearam fogo em pneus ao lado do Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal que fica na mesma rua da Assembleia, no entorno da Praça 7 de Setembro.
Os servidores protestam contra o pacote de ajuste fiscal proposto pelo Governo do Estado. Nesta terça-feira haveria a votação de cinco projetos do pacote na Assembleia.

A Assembleia Legislativa do RN divulgou uma nota explicando o adiamento da sessão, leia abaixo:
A Assembleia Legislativa anuncia a suspensão da sessão e expediente Legislativo neste 30 de janeiro de 2018. O motivo é a manifestação nos acessos da Casa Legislativa, que impede a entrada dos servidores do Legislativo.
O funcionamento regular da Casa e o trabalho dos deputados nas comissões, reuniões e sessão plenária voltam ao horário regimental nesta quarta-feira (31) com sessão e votação de projetos.
A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte lamenta o impedimento do direito de ir e vir dos servidores do Legislativo, inviabilizando as atividades da Casa.
Palácio José Augusto 
Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte
Tecnologia do Blogger.