BARRA DE SANTA ROSA: Vó da Pomba terá encontro com conterrâneos nesta sexta-feira

Evento será marcado por palestra e homenagem na Casa Rosa Recepções e Eventos




Na próxima sexta-feira (07) será o encontro da Vó da Pomba (Dona Amália) com os conterrâneos de Barra de Santa Rosa, na região do Curimataú paraibano, a partir das 20h30, na Casa Rosa Recepções e Eventos, no Centro da cidade.

Na ocasião também será realizado uma palestra pelo neto, idealizador do personagem.

Além de Barra de Santa Rosa, haverá encontro com a Vó da Pomba em Natal/RN - ShoppingMidway Mall, dia 12, às 20h, na Praça de Alimentação e em João Pessoa/PB - Manaíra Shopping, dia 15, às 20h, na Praça de Alimentação.

Todos os eventos são gratuitos.

Saiba mais sobre a vó da Pomba na matéria do Portal R7:

Carinhosamente apelidada de vó da Pomba, dona Amália diverte a internet com seu bom humor, seu chinelo veloz e uma dose de esquecimento.

Não é raro a família ficar triste quando um ente querido é diagnosticado com Alzheimer. Para quem não sabe do que se trata, a condição surge quando células cerebrais e sus conexões se degeneram e morrem, ocasionando diversos sintomas típicos, como confusão mental e perda de memória.

Mas, ao invés de lamentar a condição da avó, o já famoso personagem no mundo online Pomba, resolveu dar a ela uma chance de eternizar suas memórias e seu bom humor afiado nas redes sociais. Carinhosamente apelidada de vó da Pomba, dona Amália Teresa da Silva, de 89 anos, está divertindo seus fãs no Instagram, no Facebook e, claro, no YouTube.

O chinelo da vó da Pomba

Como você vai perceber à medida que for se familiarizando com os vídeos e os posts das demais redes sociais da vó da Pomba, o forte de Dona Amélia é seu chinelo ágil. Ele normalmente aparece em meio às conversas descontraída que a vovó tem com seu neto – que normalmente inventa alguma história para tirá-la do sério -; de forma que no final das contas, a Pomba acaba sempre apanhando.

A coisa fica ainda mais tensa para a Pomba quando o nome “João da Cruz” aparece no meio de alguma história. Dona Amália fica enfurecida e distribui no neto suas famosas chineladas.

Outro tema recorrente nos vídeos da vó da Pomba é a carreira desempenhada por anos por Dona Amália: o ofício de costureira. Embora a vovó hoje viva em Campinas, São Paulo; sua cidade natal, Barra de Santa Rosa, no estado da Paraíba; também é um dos cenários preferidos para as histórias divertidas inventadas pela Pomba.

A vó da Pomba tem até um bordão, a frase “Quem mente, rouba!”, que é proferida sempre que o neto conta suas histórias mirabolantes. Existe até mesmo a figura de um delegado, com quem Dona Amália supostamente tem algum tipo de ligação próxima e com quem a senhorinha acredita sempre poder contar quando fica brava para colocar as pessoas (qualquer pessoa, diga-se de passagem) na cadeia.

Aeliton Clesio 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.