Deputado Tomba Farias denuncia ameaça de fechamento do hospital de Canguaretama e compara saúde do RN a suicídio




O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) denunciou que o governo do Rio Grande do Norte pretende fechar o hospital regional de Canguaretama, segundo informações que foram a ele repassadas através de moradores do município. Para o parlamentar, o cenário da saúde do estado é tão caótico que pode ser comparado a suicídio.

“Primeiro foi a tentativa de fechar o hospital  Ruy Pereira, depois foi a ameaça de sustar o repasse do hospital infantil Varela Santiago. Agora é o hospital de Canguaretama que enfrenta a possibilidade de fechamento. Concordo com os deputados Vivaldo Costa e Kelps Lima quando cobram providências sobre a questão dos suicídios na ponte Newton Navarro. No entanto, eu digo que a situação da saúde pública do nosso estado está parecendo o suicídio da população”, desabafou o parlamentar.

Tomba Farias explica que o quadro da saúde publica é tão grave que pacientes com problemas no fêmur esperam até 15 dias para serem transferidos para hospitais especializados, e quando isso acontece os pacientes já se encontram sequelados.
Para o parlamentar, que é presidente da Comissão de Finanças e Fiscalização da Assembleia Legislativa, é preciso que apareça “um governador ou governadora que resolva os problemas da saúde e segurança do Rio Grande do Norte”.

FECHAMENTO

Segundo a direção do hospital regional de Canguaretama revelou ao blogueiro Lucas Tavares, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesap) já comunicou que haverá um redimensionamento de 40 para 20 leitos no hospital, além do fechamento de duas salas cirúrgicas e a redistribuição de servidores para outros locais.

Ainda segundo a direção, a medida irá ocasionar o direcionamento de mais pacientes para os hospitais de Natal, causando superlotação, como já acontece no Hospital Walfredo Gurgel.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.