recent posts

O Poeta do Povão


 

São cinquenta e sete anos 

Vividos, traçando planos

Do filho de Severina


Outubro de sescenta e três 

Na cidade de Campina,

Nascia uma criança 

Que pra galã não combina,

São cinquenta e sete anos 

Vividos, traçando planos 

Do filho de Severina.


Edmundo e Severina

Eram só felicidade,

Flávio chegava ao mundo

Fruto de um amor de verdade,

Cresceu tímido, encabulado

Sempre com a mãe de lado

Pelas ruas da cidade.


Flávio Dantas 

O Poeta do Povão 

Jaçanã  RN

09/10/2020.

O Poeta do Povão O Poeta do Povão Reviewed by Eduarda Paiva on 21:59:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.