recent posts

ABSURDO: Em Minas Gerais, homem mata a esposa, confessa o crime, é ouvido pela polícia e em seguida é liberado



Um homem de 53 anos foi preso pela Polícia Militar no interior de Minas Gerais após confessar, segundo os policiais, o assassinato da própria esposa, de 58.

O autor foi localizado na BR-116, em Laranjal – cidade situada na mesma região do estado –, e alegou que havia sido traído pela mulher. Ele foi ouvido e liberado. Procurada, a Polícia Civil disse nesta segunda-feira (13) “que não teve o flagrante ratificado pela autoridade policial”.

“O caso foi recebido na delegacia de plantão em Muriaé, onde o delegado realizou oitivas, ouvindo o suspeito”, diz a instituição no início da nota. “O caso será apurado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), em Leopoldina”, finaliza.

As diligências tiveram início quando os policiais faziam patrulhamento de rotina na cidade e receberam a informação da sala de operações da PM que um homem e uma mulher teriam se envolvido em um desentendimento conjugal no Bairro Jardim dos Bandeirantes.

Após chegar ao endereço, os militares encontraram a porta da casa parcialmente aberta. Como ninguém os atendeu, eles decidiram entrar acompanhados por uma testemunha. Na sala do imóvel, os policiais visualizaram várias marcas de sangue no chão. Prosseguindo com as buscas pela casa, a guarnição encontrou o corpo da vítima, já sem sinais vitais, banhado em sangue e caído na cozinha.

O óbito foi confirmado por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e também pela perícia técnica da Polícia Civil – que, inclusive, constatou perfurações no pescoço da vítima nos lados esquerdo e direito e também na mão esquerda. A arma do crime não foi encontrada.

Conforme a PM, o autor entrou em contato com a polícia via 190, confessou o crime e passou sua localização. Após ser encontrado às margens da BR-116, em Laranjal, o homem disse que esfaqueou a esposa durante uma discussão. A motivação para o crime foi uma suposta relação extraconjugal da vítima.

Fonte: Correio Braziliense

ABSURDO: Em Minas Gerais, homem mata a esposa, confessa o crime, é ouvido pela polícia e em seguida é liberado ABSURDO: Em Minas Gerais, homem mata a esposa, confessa o crime, é ouvido pela polícia e em seguida é liberado Reviewed by Islany Martins on 10:32:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.